09 março, 2010

Público-20 anos de fotojornalismo (III)

Luís Ramos, Algarve
© Luís Ramos/Público

“Deixem-me trabalhar”, Cavaco em estado zen e o fotógrafo a banhos
Luís Ramos, 1991


Cavaco Silva vivia confortável na segunda maioria absoluta quando começou a contestação às suas políticas económicas. Eram as “forças de bloqueio” a funcionar até que o professor deixou sair em voz alta o famoso desabafo: “Deixem-me trabalhar”. Na fotografia de Luís Ramos, Cavaco parece trabalhar para o bronze. E, por segundos, muito poucos - conta quem presenciou - o primeiro-ministro da austeridade flutuou, descontraído, ao sabor das mornas ondas da Praia dos Olhos de Água, Algarve. Luís tinha a água pela cintura. Com a repórter Áurea Sampaio, competia-lhe trazer um retrato das férias do chefe do Governo. O fotojornalista lembra a simpatia de Cavaco e sua inteira disponibilidade para ser fotografado. Foi o único político que alguma vez lhe mandou uma nota de agradecimento por uma reportagem.

2 comentários:

Petra Mafalda disse...

ótima esta foto! Meus parabéns!

um oásis disse...

Aqui começou o oásis que levou o nosso país à falência! Nada de estranho, este comentário: a fotografia também se faz com símbolos, mesmo à posteriori.

 
free web page hit counter