13 janeiro, 2010

Dennis Stock (1928-2010)

Dennis Stock, Venice Beach Rock Festival, 1968
© Dennis Stock

Morreu o fotógrafo da cooperativa Magnum Dennis Stock (1928-2010). Aclamado como um dos mais independentes e talentosos fotógrafos da agência da segunda metade do século XX, Stock fotografou músicos de jazz, os movimentos frenéticos dos anos 60 nos EUA e uma constelação de estrelas de Hollywood, entre as quais se conta uma que, também por causa da sua objectiva, acabou por brilhar mais do que todas: James Dean.
A sessão que fez com o actor, em 1955, cujo resultado foi publicado na revista Life, ficará como uma dos mais altos registos da sua longa carreira (esteve mais de 60 anos ligado à Magnum).
Para além dos retratos de Hollywood, Stock tinha um fascínio particular pelo mundo do jazz. Louis Armstrong, Billie Holiday, Sidney Bechet, Gene Krupa, Duke Ellington, são alguns dos nomes que fotografou.
Uma vez disse que preferia que lhe chamassem ensaísta. Mas nunca se livrará do facto de lhe chamarem “o fotojornalista”, tendo assim ficado eternizado por uma fotografia tirada por Andreas Feininger. Nessa imagem, tirada para uma capa da revista Life, um homem espreita pela lente de uma máquina Leica. O homem por trás da lente é Dennis Stock.

Tive o privilégio de ver a maior parte da vida através da lente das minhas máquinas, o que tornou esta viagem uma experiência alucinante.

2 comentários:

Joe disse...

Me gusta esta foto, tiene algo cautivante en el movivmiento.
Saludos, José

Anónimo disse...

O jornal Público não deu destaque nenhum a este desaparecimento. Estranhei....

 
free web page hit counter