09 novembro, 2007

Riefenstahl e Erwitt roubados


Leni Riefenstahl

A polícia alemã está a investigar o roubo de 250 fotografias de Leni Riefenstahl e 300 de Elliot Erwitt. As imagens despareceram de uma cave em Colónia que pertence ao Photo Estate GmbH, subsidiária da galeria berlinense Camera Work AG. O valor aproximado das obras desaparecidas ronda os 4 milhões de euros.
Riefenstahl morreu em 2003 com 101 anos. Os filmes que realizou ao serviço do partido nazi em Nuremberga em 1934 e 1936, no Jogos Olímpicos de Berlim, deram-lhe fama ainda antes da II Guerra Mundial.

(© Elliot Erwitt)

5 comentários:

pedro paixão disse...

Leni Riefenstahl, bela com uma swastica. A ausência total do que faz um humano: a fragilade. Os filmes dela só são suportáveis como thrailers: A Vontade de Poder tem seis horas. Pior que Wharoll. Uma boa nazia europeia.

Anónimo disse...

ora... antes de chamar nazis a criadores que não conheço suficientemente bem para tal, prefiro apontar o dedo à mediocridade política e artística que nos rodeia. À hipocrisia, ao pedantismo, etc, etc etc...

O Bush de facto é muito frágil (e o Sócrates!). É isso que os faz melhor humanos?

Anónimo disse...

ps. e não existe nada pior que WARHOL! :D

(ou Andrew Warhola, para ser mais preciso)

António Correia disse...

Vocês já repararam no charme desta fotografia ?
Muito bonita. Com muito charme. O preto e branco é uma beleza.

rangel disse...

Paidégua!!!

 
free web page hit counter