21 julho, 2006

Morreu o PIDE fotógrafo

António Rosa Casaco, Prelúdio da Noite, s/d


António Rosa Casaco, o antigo inspector da PIDE envolvido no assassinato de Humberto Delgado, morreu há cerca de 15 dias em Portugal, com 91 anos. Casaco foi um fotógrafo amador reconhecido e, dentro da actividade fotográfica de Salão, alcançou algum sucesso com dezenas de prémios em Portugal e no estrangeiro.
Foi um dos fundadores do Foto-Clube 6x6 (1950) com Nunes de Almeida, Harrington Sena, Silva Araújo e Fernando Vicente.
Em 1954 publicou o livro Salazar na Intimidade, resultado de uma convivência muito próxima com o presidente do Conselho. Antes, em 1952, assina as imagens do livro Vacances Avec Salazar, de Christine Garnier.
Uma fotografia, a que chamou “Estendal” foi admitida em mais de 150 salões internacionais e, segundo o próprio, a mais premiada até então em Portugal, com “cerca” de 50 distinções.
No PÚBLICO de hoje, Maria José Oliveira explica como é que Rosa Casaco conseguiu evitar a barra dos tribunais durante 30 anos.

Quando disparo, é num estado de espírito muito especial, sempre com alegria, alheio a tudo que me rodeia excepto o motivo que me emocionou, com a convicção de que tudo correrá bem. Não há outro sentimento a dominar-me que não seja o sentido inefável da arte e se porventura a dor impera, a máquina é logo esquecida

António Rosa Casaco, a minha fotografia preferida, in Foto-Grafia, ed. A. M. de Moura Peixoto, 1954-1955, Lisboa

Foto-Grafia, págs. 20 e 21

6 comentários:

aurora disse...

um luxo, este blog.

Anónimo disse...

Rosa Casaco, amigo de Vicente Reguengo y de don Carlos Arias Navarro.

Anónimo disse...

Here are some links that I believe will be interested

Anónimo disse...

Here are some links that I believe will be interested

Anónimo disse...

Greets to the webmaster of this wonderful site. Keep working. Thank you.
»

Anónimo disse...

Hmm I love the idea behind this website, very unique.
»

 
free web page hit counter